INTERIORIZAÇÃO, IDEALISMO E NEGATIVIDADE NA CULTURA AFIRMATIVA: UMA ANÁLISE DESDE OS ENSAIOS DE MARCUSE NA ZfS (1937-1938)

Victor Hugo de Oliveira Saldanha

Resumo


O presente artigo analisa o conceito de cultura afirmativa proposto por Herbert Marcuse no ensaio “Sobre o Caráter Afirmativo da Cultura” (1937). Para efeito desta análise, conceberemos os ensaios publicados por Marcuse na Zeitschrift für Sozialforschung como constitutivos de uma unidade teórica no conjunto da obra do autor, de modo que alguns dos aspectos fundamentais do ensaio supramencionado são interpretados, aqui, paralelamente aos ensaios “Filosofia e Teoria Crítica” (1937) e “Para a Crítica do Hedonismo” (1938). Seguindo esta linha interpretativa, analisamos o conceito de cultura afirmativa sob três perspectivas. 1) a primeira seção o analisa à luz do seu objetivo educacional e do que podemos interpretar como os seus três elementos distintivos; 2) a segunda seção analisa, por um lado, a radicação filosófica de seus elementos distintivos no idealismo da Filosofia Antiga e, por outro, a sua constituição específica como idealismo burguês; 3) a terceira seção discute as tendências econômicas e culturais negativas, produzidas no interior da própria sociedade burguesa, que se contrapõem ao caráter afirmativo que Marcuse atribui à formação cultural típica da sociedade capitalista. Conclusivamente, buscamos sistematizar as questões-chave analisadas neste estudo em uma interpretação do conceito de cultura afirmativa e de seus aspectos mais relevantes.


Texto completo:

PDF

Referências


ABROMEIT, John; COBB, W. Mark. Introduction. In: ABROMEIT, J.; COBB, W. M. (eds). Herbert Marcuse: a critical reader. New York: Routledge, 2004. p. 1-39.

DELEUZE, Gilles; GUATARRI, Félix. O que é a filosofia? Rio de Janeiro: Ed.34, 1992. Tradução de: Bento Prado Jr. e Alberto Alonso Muñoz.

DESCARTES, René. Discurso do Método. São Paulo: Martins Fontes, 1996. Tradução: Maria Ermantina Galvão.

HORKHEIMER, Max. Authority and the Family. In: HORKHEIMER, M. Critical Theory: Selected Essays. New York: Continuum, 2002. Translated by: Matthew J. O’Connell and others. p. 47-128.

KANT, Immanuel. A ideia de uma história universal com um propósito cosmopolita. Trad. Artur Morão. Lisboa: Edições 70, 1993.

KELLNER, Douglas. Herbert Marcuse and the Crisis of Marxism. Berkeley: University of California Press, 1984.

MARCUSE, Herbert. A Noção de Progresso à Luz da Psicanálise. In: MARCUSE, H. Cultura e psicanálise. 3. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2001. p. 99-122. Tradução de: Robespierre de Oliveira e Isabel Loureiro.

______. A Study on Authority (1936). In: MARCUSE, H. Studies in Critical Philosophy. Boston: Beacon Press, 1973. Tradução de: Joris de Bres, p. 49-156.

______. Filosofia e Teoria Crítica. In: MARCUSE, H. Cultura e sociedade. vol.1, Ri de Janeiro: Paz e Terra, 1997. Tradução de Wolfgang Leo Maar, Isabel Maria Loureiro e Robespierre de Oliveira. p. 137-160.

______. Para a Crítica do Hedonismo. In: MARCUSE, H. Cultura e sociedade. vol.1, Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1997. Tradução de Wolfgang Leo Maar, Isabel Maria Loureiro e Robespierre de Oliveira. p. 161-199.

______. Prefácio (1964). In: MARCUSE, H. Cultura e sociedade. vol.1, Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1997a. Tradução de Wolfgang Leo Maar, Isabel Maria Loureiro e Robespierre de Oliveira. p. 37-46.

______. Sobre o Caráter Afirmativo da Cultura. In: MARCUSE, H. Cultura e sociedade. vol.1, Rio de Janeiro: Paz e Terra, C.Af.. Tradução de Wolfgang Leo Maar, Isabel Maria Loureiro e Robespierre de Oliveira. p. 89-136.

______; NEUMANN, Franz. State and Individual under National Socialism. In: MARCUSE, H. Technology, war and fascism. vol. 1. London and New York: Routledge, 2004. Edited by: Douglas Kellner. p. 67-92.

______. Razão e Revolução: Hegel e o advento da teoria social. 2. ed. Tradução de: Marília Barroso. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1978.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. Manifesto do partido comunista. 10. ed. São Paulo: Global, 2006.

______. Manuscritos econômico-filosóficos. Tradução, apresentação e notas de Jesus Ranieri. São Paulo: Boitempo Editorial, 2004.

NEUMANN, Franz. The Change in the Function of Law in Modern Society. In: NEUMANN, F. The democratic and the authoritarian state: essays in political and legal theory. Glencoe: The Free Press, 1957, p. 22-68. Edited and with a preface by: Herbert Marcuse.




DOI: http://dx.doi.org/10.13102/ideac.v1i42.5155

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


eISSN: 2359-6384