O USO DOS MÉTODOS DE PAULHUS & KOHLER (1952) PARA PREENCHIMENTO DE LACUNAS EM SÉRIES HISTÓRICAS DE PRECIPITAÇÕES PLUVIOMÉTRICAS NO TERRITÓRIO DE IDENTIDADE PORTAL DO SERTÃO (TIPS).

Paulo Roberto Santana Oliveira

Resumo


A relevância da coleta e armazenamento, bem como o preenchimento de lacunas nas históricas pluviométricas se dá pela importância do estudo da dinâmica pluviométrica no TIPS e suas consequências para a produção agropecuária, determinação do balanço hídrico e reconhecimento de padrões de ocorrência de seca. Observa-se que no TIPS o evento meteorológico de maior importância é a precipitação pluviométrica. Desta forma, a sucessão desse fenômeno ao longo do ano faz-se de extrema relevância em diversos setores da natureza e da sociedade, a exemplo do abastecimento da produção agrícola. Portanto, faz-se necessário os estudos dessa natureza, bem como, no caso particular desta pesquisa, os meios de preenchimentos nas séries históricas de precipitação pluviométrica. Todavia, para o desenvolvimento de pesquisas demandadas pelos estudos climatológicos são necessárias séries históricas longas, como aponta Santos (2012), que a reconstrução de dados climáticos demandam séries longas. Entretanto, neste trabalho foram utilizadas séries mais curtas devido à escassez das mesmas. Para Heinemann et al. (2010), a análise de consistência e preenchimento dos dados climáticos deve ser realizada antes mesmo da sua assimilação e aplicação de métodos. Destarte, nesse processo são verificadas a existência de falhas bem como a consistência dos dados existentes, certificando-se ainda da existência de erros básicos associados aos valores fisicamente improváveis. Por exemplo, valores negativos para precipitação. No caso de Lacunas, não é suficiente apenas sistematizar e estudar os dados, é necessário processá-los e reconstruí-los para garantir consistência temporal e espacial aos dados medidos da maneira mais eficiente possível (Wissmann 2006). Utilizou-se então, estações próximas umas das outras, conforme utilizou Vicente-Serrano et al. (2010). Entretanto, os autores supracitados, ressalvam que tal procedimento pode gerar distorções nas séries reconstruídas, além das literaturas não apontarem critérios específicos para as escolhas das estações utilizadas.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.