DA SEDUÇÃO À DESONRA MORAL: EDIÇÕES FAC-SIMILAR E SEMIDIPLOMÁTICA DE UM AUTO DE DEFLORAMENTO DE 1904

Samila de Cássia da Silva Santos

Resumo


Com a necessidade de preservar as informações sobre os acontecimentos da sociedade, surgiu a Filologia, ciência que estuda os hábitos, os costumes, a cultura e a língua de um povo, através de documentos produzidos em uma dada época. Partindo disso, objetivamos realizar a edição fac-similar, que consiste na fotografia digital de todo o manuscrito, e a semidiplomática, cujo foco é descrever o estado de conservação do documento e transcrever todo o texto, conservando as características linguísticas e ortográficas, o que deixa clara a forma que as pessoas escreviam em um determinado período do tempo, de um documento do século XX.
Entretanto, para que os estudos filológicos continuem acontecendo, os filólogos precisam editar criteriosamente os textos, tornando-os acessíveis a diversos públicos. Logo,
A filologia, em sentido amplo, estuda a língua, a literatura e a cultura representadas através de documentos e textos legados, por uma determinada civilização, privilegiando a língua escrita e literária como fonte de estudo, explorando os mais variados aspectos de um texto: linguístico, literário, filológico, sócio-histórico, entre outros. Desse modo, a filologia cumpriria seu exercício por meio de diferentes tarefas, a saber: recuperação de patrimônio cultural escrito, exame de tradição textual e do processo de transmissão dos textos [...]. (SANTOS, 2006, p .79)
Portanto, a Filologia é uma ciência que estuda a cultura, a literatura e a língua de um povo, através dos textos escritos que foram deixados pelas civilizações antigas, sendo esta a principal função do filólogo: a reconstituição, a fixação e a interpretação dos textos.
Partindo disso, apresentamos, neste trabalho, o resultado de uma pesquisa, a nível de Iniciação Científica, cujo foco foi a edição fac-similar e semidiplomática de um auto de defloramento de 1904, com 18 fólios escritos no recto e verso, armazenado no Centro de Documentação e Pesquisa, CEDOC, órgão da Universidade Estadual de Feira de Santana.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.