SOBRE UM PROCESSO CRIME DE ESTUPRO DE 1924: EDIÇÕES FILOLÓGICAS E ESTUDO GRAFEMÁTICO

Eliene Pinto Oliveira

Resumo


Sabendo que a edição de textos é uma das atividades mais antigas da Filologia, este trabalho teve por objetivo realizar a edição fac-similar e semidiplomática de um Processo Crime de Estupro datado do ano de 1924, bem como o estudo grafemático das palavras que mudaram ao longo do tempo.
O termo Filologia vem do grego e significa amor pelo saber, pelo conhecimento, ou seja, o labor filológico consiste em estudar rigorosamente os textos, que são de grande importância para estudiosos de diversas áreas de pesquisa, os quais ampliam os seus conhecimentos acerca de determinado assunto. Segundo Santos (2006 p.79), “A filologia, em sentido amplo, estuda a língua, a literatura e a cultura representadas através de documentos e textos legados por uma determinada civilização [...]”. Diante disso, vemos que o trabalho filológico contribui para conhecermos a cultura e a identidade de um povo, através da sua escrita.
Partindo do pressuposto de que o labor filológico consiste na restituição e conservação de textos produzidos em épocas pretéritas, buscou-se fazer a edição filológica de um documento da área crime, pertencente ao Fórum Desembargador Filinto Bastos, que se encontra no Centro de Documentação e Pesquisa (CEDOC), localizado na Universidade Estadual de Feira de Santana, com o intuito de preservar e tornar acessível o conteúdo do mesmo.
O documento estudado é um Processo Crime de Estupro de 1924, ocorrido na cidade de Feira de Santana, tendo como vítima uma menor de apenas treze anos de idade de nome Maria Arlinda Pedreira Ribeiro e como acusado, de ter praticado o ato sexual, Raul Barbosa de Almeida.
A escolha desse documento adveio por se tratar de um texto que possui necessidade de edição e preservação de seu conteúdo, o que contribui para os estudos na área da Filologia, principalmente por se tratar de um documento que já está bastante danificado pela ação do tempo, o que pode ocasionar a perda de suas informações.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.