TRIAGEM VIRTUAL PARA IDENTIFICAÇÃO DE INIBIDORES DA GLUTATIONA S -TRANSFERASES

Kryzia Santana da Silva

Resumo


A bovinocultura é conhecida como um dos principais destaques do agronegócio brasileiro no cenário mundial, e tem sua produtividade comprometida por uma espécie de carrapato conhecida como Rhipicephalus (Boophilus) microplus (FONSECA, 2012; GRISI et al., 2014; BRASIL, 2015; RECK JUNIOR et al., 2009). As investigações com produtos de origem vegetal são métodos alternativos a principal medida de controle utilizada na pecuária bovina atualmente, que é o uso de acaricidas sintéticos nos animais infectados (BROGLIO-MICHELETTI et al., 2009; FERREIRA, 2002; FURLONG, 2007).
Neste cenário, uma das metodologias que pode ser empregada para otimizar a identificação de potenciais moléculas para o controle do Rhipicephalus (Boophilus)microplus é a realização de técnicas virtuais com o intuito de encontrar potenciais inibidores para alvos estabelecidos.
A glutationa S-transferases (GST) é uma família de enzimas responsável pela conjugação de xenobióticoseletrofílicos, reduzindo sua toxicidade e permitindo que o sistema de transporte elimine estes conjugados para o meio extracelular (ENAYATI; RANSON e HEMINGWAY, 2005). Essas enzimas também têm funções de proteção contra estresse oxidativo e o transporte intracelular de proteínas. Maior atividade da GST foi associada com a resistência de carrapatos R.(B.) annulatus a acaricidas da classe dos piretroides (ZIPOUR et al., 2016).
Este estudo contribuirá para a descoberta de novos princípios ativos para o controle de ectoparasitoses de bovinos. Inicialmente será construído um banco de moléculas oriundas de plantas do gênero Ocotea, em seguidas a afinidade das mesmas será avaliada por acoplamento molecular frente á GST. Espera-se com isso contribuir para o controle do Rhipicephalus (Boophilus) microplus e com isso com a bovinocultura.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.