O ASSOCIATIVISMO COMO INSTRUMENTO DE FORTALECIMENTO E EMPODERAMENTO DAS ORGANIZAÇÕES FEMININAS DO MUNICÍPIO DE SANTALUZ-BA

Maria Carolina de Oliveira Silva

Resumo


Esta pesquisa está vinculada ao projeto “SER TÃO FORTE: Desenvolvimento Territorial Sustentável“ (CNPq/MDA/SPM-PR Nº 11/2014 - Núcleos de Extensão em Desenvolvimento Territorial (NEDET). O tema investigado refere-se às contribuições da atuação da Associação do Movimento de Mulheres Trabalhadoras Rurais de Santaluz (AMMTRAFAS), por meio da organização de grupos de produção para o trabalho, da participação em políticas públicas e do estabelecimento de redes de colaboração para um processo de organização, fortalecimento e empoderamento das mulheres no município de Santaluz.
O referido município está localizado no Território do Sisal possui uma área de 1.563,291 km² e uma população de 33.838 habitantes, dos quais 20.075 residem nas áreas urbanas, enquanto que 13.043 vivem na área rural. Contudo, os índices apontam que no ano de 2016 a população atingiu a marca de 38.219 habitantes. (IBGE, 2010).
As agricultoras do Território do Sisal vivenciam condições de vida destacadas pela miséria, pelo trabalho duro e mal ou não remunerado, o que se constitui em uma motivação para o estabelecimento de organizações coletivas (FIRMO, 2010).
Diante dessas condições de desigualdades, os movimentos e organizações sociais passaram a ser estratégias de luta na busca pela autonomia. Nesta perspectiva, a região do Sisal é também caracterizada pela existência de organizações coletivas, dentre essas, AMMTRAFAS. (SANTO et al, 2006).
A AMMTRAFAS é uma associação direcionada às mulheres que tem sua origem associada ao Movimento de Mulheres Trabalhadoras Rurais (MMTR) de Santaluz, que possuem como principais propósitos: a produção de trabalho e renda para as agricultoras e o reconhecimento do trabalho das mulheres rurais (PIRES, 2016). A atuação da AMMTRAFAS se dá junto a grupos de produção com o propósito de favorecer a inclusão social e autonomia dessas mulheres.
Assim, a pesquisa desenvolvida teve como objetivo analisar a atuação da AMMTRAFAS e sua contribuição no processo de organização, fortalecimento e empoderamento das mulheres no município de Santaluz, expressas através dos discursos das entrevistadas, demonstrando a conscientização das mesmas sobre a situação desfavorável na qual estão imersas e a forma que as associações propiciam o acesso às políticas públicas e uma consequente busca da autonomia pessoal e financeira.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13102/semic.v0i22.3928

Apontamentos

  • Não há apontamentos.