DESENVOLVIMENTO DE UM APLICATIVO WEB PARA MARCAÇÃO DE PONTOS CEFALOMÉTRICOS

Abel Ramalho Galvão

Resumo


Com a descoberta dos raios X em 1895, a cefalometria radiográfica, na ciência
ortodôntica, passou a existir e logo tornou-se fundamental para o estudo da forma e do
crescimento do crânio. Desde 1931, a utilização da cefalometria agregou, em grande
vantagem, a visualização de pontos de referência, faciais e cranianos, em seres vivos, o
que antes era inacessível (VILELLA, 1998).
A análise cefalométrica por muitos anos veio sendo realizada de forma manual,
o que dificulta muito a reprodução dos traçados se for comparado por diversos
observadores (HOUSTON, 1982). Para auxiliar os especialista da área de radiologia
odontológica, uma ferramenta intitulada de ODONTORADIOSIS (BATISTA et al .,
2011; MARQUES; ANGELO, 2011; ANGELO et al ., 2012; BASTOS; ANGELO,
2013; ANGELO et al ., 2016), versão desktop , vem sendo desenvolvida com o objetivo
de facilitar as marcações dos pontos cefalométricos, gerar análises cefalométricas e
análise facial.
Está sendo proposta, mais recentemente, a inserção de um módulo de
identificação automática de pontos cefalométricos na ferramenta ODONTORADIOSIS.
Para isso, este trabalho foi proposto, o qual teve como objetivo o desenvolvimento de
um aplicativo web para que os especialistas da área de radiologia odontológica
marquem os pontos cefalométricos de todas as imagens que farão parte do Dataset que
será utilizado para validar as técnicas de identificação automática de pontos
cefalométricos.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13102/semic.v0i22.3986

Apontamentos

  • Não há apontamentos.