AVALIAÇÃO DOS NÍVEIS DE PRESSÃO ARTERIAL E FREQUÊNCIA CARDÍACA E DISLIPIDEMIAS EM ESCOLARES COM PERSPECTIVA NA PROMOÇÃO DA SAÚDE E PREVENÇÃO PRIMÁRIA

Larissa de Matos Souza

Resumo


A discussão sobre hábitos alimentares das crianças e a prevenção das principais lesões cardiovasculares têm ganhado destaque na atualidade (PAES et al., 2015). “As dislipidemias e a obesidade na infância e na adolescência adquiriram maior importância entre as patologias mais estudadas neste século pelas repercussões que trazem na vida adulta” (FAULHABER et al., 2009 p.4), principalmente no que se refere às doenças cardiovasculares. Atualmente, encontramos uma sociedade na qual os indivíduos não conseguem incorporar informações, valores, atitudes e habilidades que lhes permitam adotar um estilo de vida ativo e saudável, por deficiências em sua formação educacional. Nesse contexto, estabelecer estratégias de promoção da saúde e prevenção primária apresenta-se como uma proposta pertinente e desafiadora. Diante dessa problemática, o presente estudo teve como objetivo analisar a prevalência de HDL baixo (≤ 35mg/dL) em escolares e a correlação desta com outros fatores de risco cardiovasculares e estilo de vida, bem como realizar atividades de cunho educativo em uma comunidade escolar.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.