CONFIABILIDADE DA ESCALA DE CONFORTO PARA FAMILIARES (ECONF) DE PESSOAS EM UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA.

Autores

  • João Victor Moraes de Melo

DOI:

https://doi.org/10.13102/semic.v0i23.6507

Resumo

Os familiares de pessoas em estado crítico de saúde podem encontrar-se em uma
condição de fragilidade biológica, psíquica e social, uma vez que a doença e internação
constituem-se em eventos que produzem desconfortos, como sofrimento, alteração de
papéis e hábitos da vida cotidiana e a incerteza de recuperação de seu parente.
Desenvolvem, ainda, dificuldades na capacidade de organização e de enfrentamento
(coping), no equilíbrio para a tomada de decisões e na disposição para apoiar o parente
(HORN; TESH, 2000).

Downloads

Publicado

2021-04-01