PROCESSAMENTO DIGITAL DA GALÁXIA M83 OBSERVADA COM O TELESCÓPIO CDK20

Autores

  • Matheus do Carmo Carvalho

DOI:

https://doi.org/10.13102/semic.v0i23.6635

Resumo

Com o avanço da tecnologia e a melhora da eficiência quântica (parâmetro físico que caracteriza detectores de radiação eletromagnética) dos equipamentos, no final do século XX, a Astronomia observacional atingiu novos patamares, podendo investigar mais longe e com mais precisão. A CCD (Charge-Coupled-Device) é o dispositivo acoplado a telescópios que possibilitou este avanço. Este equipamento consiste de uma matriz de pixels com a funcionalidade de capturar fótons de luz que são emitidos pelos objetos astronômicos. Porém, como se trata de um sistema eletrônico, ruídos indesejáveis acabam sendo somados (bias e darks) e multiplicados (flat-field) nas imagens adquiridas em função do tempo de exposição. No entanto, tais contribuições instrumentais podem ser eliminadas envolvendo operações aritméticas simples. Tais elementos serão detalhados na metodologia usada.

Downloads

Publicado

2021-04-01

Edição

Seção

Ciências Exatas e da Terra