Abordagem morfológica e molecular da diversidade da família Ganodermataceae no estado da Bahia.

Jefferson Lima Lopes

Resumo


Ganodermataceae Donk (Polyporales Gäum, Agaricomycetes Doweld) é uma família em que estão contidos fungos macroscópicos do filo Basidiomycota R.T. Moore, que se caracterizam principalmente por apresentar basidiomas pileados, sésseis a estipitados, sistema hifal di-trimítico com presença de hifas esqueletais arboriformes e pela presença de basidiósporos com parede dupla, onde a interna apresenta ornamentação, sendo esta, uma característica exclusiva do táxon (RYVARDEN, 2004).
Muitas espécies da família causam podridão branca na madeira, sendo que depois de sofrer a ação desses fungos o substrato fica com aspecto esponjoso, fibroso ou laminado e de cor esbranquiçada. Além de saprófitas, a família apresenta espécies que são parasitas obrigatórias e facultativas (FURTADO 1981, TURNER 1981, RYVARDEN 2004, GLEN et al. 2009, KINGE & AM 2011, NAHER et al. 2013).
Tendo em vista que os dados comprovam que somente características morfológicas não são suficientes para delimitação de espécies de Ganodermataceae, análises a partir do DNA Barcode são uma ferramenta interessante para a abordagem da diversidade da família. O método consiste na utilização de um pequeno segmento padronizado de DNA (código de barras) que seja suficientemente variável a nível específico, mas pouco variável ao nível infraespecífico, baseado na premissa de que a variação genética entre as espécies analisadas excede a variação existente dentro destas mesmas espécies para o segmento de DNA selecionado (HERBERT et al., 2003).
O objetivo deste trabalho, portanto, foi realizar a preparação de espécimes dessa família para estudos moleculares, que servirá de aparato para posterior análise e interpretação da diversidade da família Ganodermataceae na Bahia a partir de análises moleculares (DNA barcoding).


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13102/semic.v0i21.2181

Apontamentos

  • Não há apontamentos.