CONSERVAÇÃO E ENRAIZAMENTO in vitro DE Bauhinia monandra Kurz(pata-de-vaca)

Jaqueline Pereira Almeida

Resumo


Bauhinia monandra Kurz (pata-de-vaca) é uma planta de hábito arbóreo ou arbustivo da família Fabaceae. Sua importância farmacêutica advêm da presença de diversos constituintes químicos, tais como esteroides, lectinas e flavonoides (ARGÔLO et al., 2004), sendo este último, o princípio ativo responsável pela atividade hipoglicemiante, já comprovada (MENEZES et al., 2007). Embora a espécie apresente grande potencial medicinal, não se tem relatos da propagação in vitro dessa espécie. Nesse sentido, a Cultura de Tecidos Vegetais, aliada à técnicas de micropropagação e conservação, são de extrema importância para a espécie em questão, uma vez que proporciona êxito, decorrente principalmente de uma ampla produção de metabolitos secundários. A formação de raízes adventícias nas partes aéreas obtidas, no estádio de multiplicação, permite a constituição de plantas completas, para posterior transferência a condições ex vitro (RADMANN et al,2002). Já a conservação in vitro é uma estratégia que possibilita a manutenção de grande número de acessos em um pequeno espaço físico, livre das intempéries e riscos que existem no campo, a manutenção da fidelidade genética e facilita a disponibilidade de material para o melhoramento genético e para o intercâmbio de germoplasma(NEPOMUCENO,2012). Contudo, é importante ressaltar, que o sucesso da aplicabilidade das técnicas que envolvem o cultivo in vitro, está intimamente ligada à definição de uma metodologia eficiente, visto que as respostas dependem das características intrínsecas de cada espécie. Portanto, o objetivo desse trabalho foi estabelecer um protocolo para conservação e enraizamento in vitro de B.monandra.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13102/semic.v0i21.2221

Apontamentos

  • Não há apontamentos.