A PRODUÇÃO DO CUIDADO ÀS PESSOAS COM HANSENÍASE: UM OLHAR SOBRE A RESOLUBILIDADE DOS SERVIÇOS DE SAÚDE

Brenda Fadigas Carvalho

Resumo


A produção do cuidado em saúde é vista como sistêmica e integrada aos demais níveis
da assistência, através da utilização de todos os recursos disponíveis para a construção de um
Projeto Terapêutico Singular (PTS) que atenda às necessidades da população (Merhy; Franco,
2005). Nesse contexto, a hanseníase é uma doença crônica, infectocontagiosa de evolução
lenta, causada pelo Mycobacterium leprae, parasita que apresenta alta infectividade e baixa
patogenicidade, e afeta primariamente os nervos periféricos e a pele, podendo causar sérias
incapacidades físicas (ASSIS; JESUS, 2012). Já a resolubilidade é considerada como sendo
uma resposta às demandas de acordo com as necessidades individuais e coletiva, garantindo
ao usuário o acesso integral aos serviços de saúde (Santos; Assis, 2006). Essa pesquisa se
justifica pelas lacunas de conhecimento sobre a temática, bem como a importância social do
estudo da resolubilidade na produção do cuidado das pessoas com hanseníase, identificando
as ações desenvolvidas de forma centralizada, na unidade de referência.
Diante disso, este estudo tem como questão norteadora: como ocorre a resolubilidade
na produção do cuidado das pessoas com hanseníase no município de Feira de Santana- BA?
Para responder tal questão, o estudo baseia-se no seguinte objetivo geral: analisar a
resolubilidade na produção do cuidado executado pelo serviço de saúde às pessoas com
diagnóstico de Hanseníase no município Feira de Santana-BA, além de ter como objetivos
específicos: descrever as ações da equipe multidisciplinar no serviço de referência frente às
demandas das pessoas com Hanseníase, em Feira de Santana-BA; compreender as facilidades
e dificuldades para a resolubilidade na produção do cuidado das pessoas com Hanseníase, no
serviço de referência, em Feira de Santana-BA.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13102/semic.v0i21.2497

Apontamentos

  • Não há apontamentos.