RISO E FUNÇÃO SOCIAL NA FILOSOFIA DE BERGSON

PAULO DEIMISON BRITO DOS SANTOS

Resumo


Esse artigo tem como objeto o significado do riso e sua função social propostos pelo filósofo francês Henri-Louis Bergson (1859 - 1941) em sua obra O riso: ensaio sobre a significação da comicidade (1899). Nossa investigação visa especificamente às noções de riso e comicidade no pensamento do filósofo. O riso, para Bergson, possui uma função social. Essa função diz respeito a uma tentativa de correção da insociabilidade, da rigidez e do automatismo que se apresentam no homem, características tais que, aos olhos da sociedade, poderiam ameaçar a convivência pacífica entre os indivíduos e, portanto, a ordem social.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13102/ideac.v1i37.3523

Apontamentos

  • Não há apontamentos.