A EDUCAÇÃO NO TEETETO DE PLATÃO: UM ESTUDO SOBRE A EPISTEMOLOGIA DO ENSINO E DA APRENDIZAGEM

Hedgar Lopes Castro

Resumo


O presente artigo tratará da educação intelectual como temática central do Teeteto de Platão. Em uma perspectiva de ensino e aprendizagem das ideias, pretende-se apontar como a maiêutica, a arte do parir, pode transformar
um homem que nada conhece ou que conhece apenas ilusões falsas em alguém que conhece verdadeiramente. O caráter da verdade das coisas é o objeto central da dialética, que procura, ademais, verificar como o homem pode descobrir, por si só, aquilo que é Uno dentro da multiplicidade de conhecimentos que possuímos, os quais podem ser considerados, na verdade, meras impressões e opiniões. Não nos situando apenas no campo delas, é necessária, sob a inspiração platônica no Teeteto, uma educação intelectual tal que possa fazer-nos alcançar o conhecimento, descobrindo, assim, a verdade. Para isso, é fundamental a arte dialética, que serve como luz à busca permanente do conhecimento.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.13102/ideac.v0i0.3003

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


eISSN: 2359-6384